Teixeirinha

Casal de Valentes

Play

Lá no rio grande aonde estou morando
Vivo feliz com animação
Tenho uma estância cheia de gado
Muitas ovelhas e boa produção
Me impressionei com uma cartinha
De uma fazendeira de minas gerais
Falei com ela numa exposição
De gado em são paulo
Há dias atrás

Está cartinha está chegando agora
E eu estou lendo com muito carinho
Linda mineira está me perguntando
Se eu sou solteiro e vivo sozinho
Até parece que ela adivinhou
Eu vim de lá meio apaixonado
E se me ama como diz a carta
Me considero contigo casado

Diz que o mineiro é muito valente
Valente é o gaúcho também
Se eu me casar com a mineirinha
Já estou pensando nos filhos que vêm
A raça é braba já sai misturado
Sangue cruzado mineiro e gaúcho
Enquanto um mata o outro degola
O outro enforca e já queima cartucho

Os nossos filhos saem super valentes
De vez enquanto dá revolução
Vai dar trabalho prá toda polícia
E nós pagar prá tirar da prisão
Mas assim mesmo tu vens mineirinha
Minha fazenda é prá lá de missões
Traz o teu gado prá se unir com o meu
E unir também os nossos corações.