Teleféricos e Discos Voadores

Assuma o Risco

Play

Quer me seguir
Então me siga
Assuma o risco e proteja a sua vida
Se tens amor
Tens a fraqueza

O que te fere são as mãos da realeza
Bajulações e cortesias vão te tirar a defesa
Você se entrega a afagos sociais
Palavras que te manipulam e que

Te tira o foco
Saiu da reta
Você acredita que fez a coisa certa
Nunca confie em sorriso largo

Tapinha nas costas e assim está no papo
Conversa mansa, se torna amigo
Tem dicionário pra afagar os seus ouvidos
O cheque em branco não vem de graça

Ele não será o seu amigo, jamais será
Só se importa com ele mesmo
Eles não serão os seus amigos, jamais serão, nunca foi
Só se importam com eles mesmos

Se tens amor, tens a nobreza
Mas acontece que eles se aproveitam
De alma aberta e áurea limpa

E como um pato tu caíste armadilha
Se ver cercado em bebedeiras
A sua frente as mulheres que desejas
Sua retaguarda desprotegida

Assuma o risco e proteja a sua vida

Ele não será o seu amigo, jamais será
Só se importa com ele mesmo
Eles não serão os seus amigos, jamais serão, nunca foi
Só se importam com o próprio umbigo